A expedição secreta dos nazistas aos Himalaias em busca da ‘raça ariana’

Publicidade

[ad_1]

Crédito, ullstein bild Dtl/Getty Images

Legenda da foto,

Ernst Schafer (terceiro a partir da esquerda) no Tibete em 1939

Em 1938, uma equipe de cinco pesquisadores foi enviada aos Himalaias pelo nazista Heinrich Himmler, o principal arquiteto do Holocausto (como ficou conhecido o assassinato em massa de judeus e de outras minorias durante a Segunda Guerra Mundial). O autor Vaibhav Purandare conta a fascinante história desta expedição que passou pela Índia.

Pouco mais de um ano antes do início da Segunda Guerra Mundial, um grupo de alemães desembarcou secretamente nas fronteiras orientais da Índia.

Sua missão era descobrir a “fonte de origem da raça ariana”.

Publicidade

Adolf Hitler acreditava que os nórdicos “arianos” haviam entrado na Índia pelo norte cerca de 1,5 mil anos antes e cometido o “crime” de se misturar com os povos “não-arianos” locais, perdendo os atributos que os “tornavam racialmente superiores” a todos os outros povos da terra.

[ad_2]

Fonte Notícia

Publicidade