Mundo

Como China e Índia têm ajudado Rússia a driblar sanções comprando petróleo barato

Curso Código Milinário

Crédito, Getty Images

Legenda da foto,

Putin e Xi tem mostrado sintonia nos últimos meses

A Rússia encontrou na Ásia novos clientes para sua poderosa indústria de petróleo e gás. E, graças a eles, tem sido capaz de mitigar os efeitos das fortes sanções econômicas impostas aos produtos russos pela Europa Ocidental e pelos Estados Unidos.

Após invadir a Ucrânia, a Rússia ultrapassou a Arábia Saudita e se tornou o principal fornecedor de petróleo para a China.

A Rússia teria oferecido descontos à China em seus preços de petróleo e gás, o que abriu à Rússia um enorme mercado até então não explorado e capaz de compensar, ao menos em parte, as perdas pelo bloqueio nas vendas após as sanções econômicas.

A Rússia também se voltou para a Índia: antes da invasão da Ucrânia, apenas 1% das suas exportações de petróleo eram destinadas ao país. Em maio de 2022, elas correspondiam a 18%.

Fonte Notícia: www.bbc.com

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo