Mundo

Por que a Suprema Corte decidiu relaxar o porte de armas nos EUA

Curso Código Milinário

  • By Anthony Zurcher, Bernd Debusmann Jr, Boer Deng
  • BBC News

Crédito, Getty Images

Legenda da foto,

Americanos poderão legalmente carregar pistolas em público, segundo decisão da Suprema Corte

Em seu julgamento mais importante sobre armas em mais de uma década, a Suprema Corte dos Estados Unidos derrubou uma lei de Nova York que restringia o porte de armas nas ruas à população civil.

Exatamente um mês depois do massacre em uma escola primária no Texas, que matou 19 crianças e levou republicanos e democratas no Congresso a trabalharem juntos por uma legislação mais restritiva ao acesso a armamentos no país, o tribunal resolveu expandir os direitos às armas.

Em nome dos seis juízes que compõem a atual supermaioria conservadora da Suprema Corte, o juiz Clarence Thomas escreveu que a Constituição americana garante aos cidadãos do país o direito de portar armas de fogo que ele qualificou como “comumente usadas” em público (como pistolas) para defesa pessoal.

Assim, o tribunal decidiu que uma lei de Nova York que exigia que os residentes provassem uma “causa adequada” para poder portar armas em público viola a Constituição dos EUA.

Fonte Notícia: www.bbc.com

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo