Saúde

SUS incorpora remédio para tratar atrofia muscular espinhal

Curso Código Milinário

[ad_1]

O medicamento risdiplam, com nome comercial de Evrysdi, usado no tratamento da Atrofia Muscular Espinhal (AME) tipo 1, foi incluído nesta segunda-feira (14/3) à lista de medicamentos oferecidos gratuitamente pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

A decisão da Secretaria de Ciência, Tecnologia, Inovação e Insumos Estratégicos em Saúde, do Ministério da Saúde, foi publicada hoje no Diário Oficial da União e prevê que o remédio esteja disponível em até 180 dias.

O risdiplam é indicado para o tratamento da forma mais grave da AME, com incidência de um caso para 6 mil nascidos vivos, de acordo com o Ministério da Saúde. Além dele, o SUS, desde 2019, oferece o medicamento Spinraza.

Um terceiro remédio, chamado Zolgensma e conhecido como o remédio mais caro do mundo, recebeu registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em 2020, mas ainda não foi incorporado à lista do SUS.

A Atrofia Muscular Espinhal (AME) é uma doença genética rara que interfere na capacidade do corpo de produzir uma proteína considerada essencial para a sobrevivência dos neurônios motores.

Sem essa proteína os neurônios morrem e os pacientes acabam perdendo a força muscular, o que prejudica a capacidade de locomoção, de respirar e de engolir.

[ad_2]

Source link

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo